quarta-feira, 7 de novembro de 2007

Adoro este poema...


Num deserto sem água
Numa noite sem lua
Num país sem nome
Ou numa terra nua
Por maior que seja o desespero
Nenhuma ausência é mais funda do que a tua.



Sophia de Mello Breyner Andresen

2 comentários:

abençoada disse...

eiiiiiiiii

o meu amor por mim nao pára de crescer :)
Sempre na mesma
sempre na LUTA!

Anónimo disse...

pois é.....
eu as vezes penso k tudo podia desaparecer se tive'seee akela passoa ao meu lado..
akela pessoa k me da o seu sorriso todos os dias...
akelas pessoa k me mostra o lado bom da vidaA...
sem ele...ui...n m imagino...

Este ele é o minino dos caracois...
Ruben Machado Campos...

BeijinhaA

<3

Pocaondas